DICIONÁRIO DE GESTÃO – LETRA R

 Dicionário

RASTREABILIDADE
Capacidade de investigar o histórico, a aplicação ou a localização de um item ou de uma atividade (ou itens ou atividades semelhantes) por meio de informações devidamente registradas.

RBC
Rede Brasileira de Calibração.

RBLE
Rede Brasileira de Laboratórios de Ensaios.

REENGENHARIA
Mudança ou melhoria que envolve um repensar radical da forma como a organização gere o seu negócio, incluindo a pertinência ou não de algumas das suas atividades. A gestão da qualidade diz respeito tanto a mudanças radicais (reengenharia) como a pequenas alterações incrementais.

REENGENHARIA DE SOFTWARE
Técnica de restruturação ou modificação de um código existente, ou de desenvolvimento de um novo código, preservando-se inalterada a especificação ou o projeto do software.

REESTRUTURAÇÃO DE EMPRESAS
A Reestruturação pode ser aplicada para processos específicos, funções dentro da empresa ou na empresa como um todo. Cada caso exige uma abordagem e uma metodologia diferente devido à variedade de formatos e estruturas de organização e atividades específicas.A empresa deve fazer reestruturação quando percebe que a estrutura organizacional não contribui mais para o alcance de seus objetivos empresariais.

REGISTRO
Documento que fornece evidência objetiva de atividades realizadas ou resultados obtidos.

RÉGUA ( PASSAR A RÉGUA PARA DEFINIR META)
Passar a régua consiste em definir o valor máximo (para o caso de gastos) e mínimo (para receita) que o indicador em análise pode atingir para as entidades cujos dados são comparáveis. A régua é esse valor de referência e é definida com base em análise, pelos gestores de pacote, dos valores realizados, das características de cada entidade e das perspectivas futuras.

RELATÓRIO DAS TRÊS GERAÇÕES
É o documento que relata o esforço de se atingir a meta por meio do giro do PDCA. O relatório deve mostrar: – o que foi planejado: passado; – o que foi executado: presente; – os resultados obtidos: presente; – os pontos problemáticos responsáveis pelo não atendimento da meta: presente; – a proposição (plano) para resolver os pontos problemáticos: futuro.

RELATÓRIO DE ANÁLISE DE ANOMALIA
Relatório contendo: uma descrição sucinta da anomalia observada, do resultado esperado e do obtido; possíveis causas e causas fundamentais (após Diagrama de Causa e Efeito) e finalmente o Plano de Ação (ver).

REPARO
Ação implementada sobre um produto não-conforme de modo que este passe a satisfazer os requisitos de uso previsto, embora possa não atender aos requisitos originalmente especificados.

REQUISITO
Condição a ser preenchida necessariamente pelo produto ou serviço.

REQUISITO PARA QUALIDADE
Tradução das necessidades sob a forma de um conjunto de especificações individuais, quantificadas ou descritas, para as características de uma entidade, a fim de possibilitar sua realização e seu exame.

REQUISITOS
Necessidades básicas do cliente, geralmente explicitadas como condição de negócio no contrato com o fornecedor. São características, tais como especificações técnicas, prazo de entrega, garantia, que o cliente “requer” do produto. Uma condição ou capacidade necessitada por um usuário, para resolver um problema ou alcançar um objetivo.

REQUISITOS PARA A QUALIDADE
Expressão das necessidades ou sua tradução num conjunto de requisitos, explicitados em termos quantitativos ou qualitativos, objetivando definir as características de uma entidade a fim de permitir sua realização e seu exame.

RESISTÊNCIA CULTURAL
Uma forma de resistência às mudanças com base na oposição às possíveis conseqüências sociais.

RESPONSABILIDADE CIVIL PELO FATO DO PRODUTO
Termo genérico usado para descrever os ônus que recaem sobre um fornecedor, ou outros, para fazer compensações por perdas relativas a danos pessoais, materiais ou outros, causados por um produto. Notas: 1 – Esta definição está coerente com a lei 8078 de 11.09.90, Código de Defesa do Consumidor – Título I, cap. IV, Seção II, arts. 12 e 14. 2- As implicações legais e financeiras de responsabilidade civil pelo fato do produto podem variar de uma jurisdição para outra.

RESPONSABILIDADE SOCIAL
Responsabilidade Social é uma forma de conduzir os negócios da empresa de tal maneira que a torna parceira e co-responsável pelo desenvolvimento social. A empresa socialmente responsável é aquela que possui a capacidade de ouvir os interesses das diferentes partes (acionistas, funcionários, prestadores de serviço, fornecedores, consumidores, comunidade, governo e meio-ambiente) e conseguir incorporá-los no planejamento de suas atividades, buscando atender às demandas de todos e não apenas dos acionistas ou proprietários.

RETRABALHO
Ação implementada sobre um produto não-conforme de modo que ele atenda aos requisitos especificados.

REUSO DE CÓDIGO
Técnica de utilização de um programa, de uma rotina ou de uma biblioteca de rotinas em mais de uma aplicação, ou em diferentes implementações de uma aplicação. Para tal, o código deve ser escrito prevendo-se a sua reusabilidade e enfatizando aspectos de sua abrangência funcional e de independência de ambiente.

RISK MANAGEMENT
Ou Gestão do Risco, significa fazer a análise, controlo e seguro ideal dos riscos de uma empresa. Visa antecipar, analisar e valorizar os riscos de funcionamento da empresa de modo a minimizá-los. Implica otimizar a qualidade/custo dos diferentes seguros da companhia. O método inclui todos os tipos de riscos clássicos (caso da segurança de pessoas e bens) e também alguns cuja freqüência ou amplitude cresceu nos últimos anos, tais como riscos de cópias, os ligados ao meio ambiente ou as despesas médicas dos empregados).

ROMPIMENTO
“Romper é abandonar práticas gerenciais baseadas em princípios não mais vigentes no mundo de hoje” (Campos, V.F.). O processo de rompimento é um processo de mudança da própria maneira de pensar e requer muita determinação.

ROTINA
(Gerência pela Organização ou Gerência de Linha ou “Daily Work Routine Management”) – Prática do controle da qualidade baseada na padronização e consta de: estabelecer padrões para a satisfação das necessidades das pessoas, manter padrões e melhorar estes padrões. Significa também, obedecer normas, evitar alterações ou mudanças. Se a rotina estiver bem montada, o produto ou serviço apresentará o mesmo padrão de qualidade.

,

  1. Deixe um comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: